quinta-feira, 8 de março de 2012

Mulher


Uma mulher se despir de verdade-emocionalmente,
Assistir uma mulher desabotoar suas fantasias suas dores, sua história...
É erótico ver uma mulher, que sorri que chora, 
que vacila, que fica linda sendo sincera, que fica uma delícia sendo divertida,
 que deixa qualquer um maluco sendo inteligente.
Uma mulher que diz o que pensa, o que sente e o que pretende, sem meias verdades, 
sem esconder seus pequenos defeitos 
- Alias, deveríamos nos orgulhar de nossas falhas, é o que nos torna humanas, 
e não bonecas de porcelanas.
Arrebatador é assistir ao desnudamento de uma mulher em que sempre se poderá confiar,
 mesmo que vire ex, mesmo que saiba demais.
Não é fácil tirar a roupa e ficar pendurada numa banca de jornal
mas difícil por difícil, também é complicado abrir mão de pudores verbais,
expor nosso segredos e insanidade, revelar nosso interior.
Mas é com certeza o que devemos continuar fazendo.
Despir nossa alma e mostrar pra valer quem somos 
e o que trazemos de belo de lindo de maravilhoso por dentro.
Não conheço strip-tease mais sedutor.

                                                                          Martha Medeiros



P.S:. Feliz Dia da Mulher a todas as leitoras! :D

domingo, 4 de março de 2012

A linha.


Há uma linha muito tênue entre o ser o parecer
Entre a preocupação e o desespero
Entre o drama e o exagero
Entre o amor e o desejo

Não sei dizer quantas flores é preciso para um buquê bem feito, perfeito.
Mas sei que  basta apenas um sorriso pra sacudir um coração dentro do peito.

Aprendi que há também uma linha muito tênue 
Entre o cuidado e a posse
Entre a boca e o beijo
Entre o sono e o bocejo

Mas ao ouvir o dedilhar de um doce acorde, acordei
E oque vi foram teus olhos que olhavam pra mim
A linha tênue entre eu e você eu não sei
Mas se eu ainda estiver sonhando, por favor me deixe dormir.
                                                                                                     
                                                                                                               Gabriela Duarte.

sábado, 3 de março de 2012

O que você merece

Talvez eu não seja capaz
De completar-te como em mente
Mas você é o meu melhor
E sou feliz por tê-la comigo
Você é a menina mais especial do mundo
E quando você chora, um pedaço de mim se quebra
Eu não sei o que você merece
Embora tenho dado tudo que tenho
E quando penso que possas estar em outros sonhos
É como se eu não fosse bom o bastante,
Eu não saberia de tudo que você quer,
Mas você não quer diamantes, nem ouro
Então eu acredito que estamos no caminho certo
Essas paredes de gelo agora são invisíveis,
Pois seu abraço me tira fora de tempo
Porque não existe universo paralelo para o nosso amor
Até a minha sombra reflete carinho,
E embora sem saber o que você merece
Irei seguir nesse caminho
Porque você é maravilhosa menina
Então te mostrarei como é bom o amor.

                                                                                                     Jean Lacerda.